O queixo de São Nicolau

O que você estava fazendo no dia 21-12-2021 às 12.21 horas?

Levantei-me cedo pela manhã para estar na ilha a tempo, porque havia trabalho a ser feito. E sim, depois de horas de busca diligente, minhas suspeitas foram confirmadas: ali estava, um pedaço do queixo de São Nicolau!

Aqueles que não conhecem São Nicolau, este foi um homem que viveu no século III d.C., um homem notável cujo hobby era incendiar os templos daqueles que não acreditavam.

O templo de Artemis, por exemplo, foi arrasado por São Nicolau e seus seguidores, de acordo com a tradição.

Por que este bárbaro cultural tirânico foi feito amigo de uma criança da Espanha por um professor de escola 1600 anos depois?

E por que ele se vestiu com as cores da cadeira do estalajadeiro?

Na pequena ilha há nada menos que 5 igrejas uma ao lado da outra, e em nenhum lugar há nada para descobrir por que alguém construiria 5 igrejas uma ao lado da outra em uma pequena ilha.

Bem, temos uma suspeita. Aqueles cujo hobby é queimar dissidentes também o farão em sua própria ilha, e os seguidores de São Nicolau, naturalmente, seguiram seu exemplo nos séculos seguintes e sempre construíram igrejas e, com raiva, incendiaram-nas novamente quando se pensava que os hereges estavam presentes.

Foi assim que surgiu esta estranha ilha cheia de esqueletos eclesiásticos. Por isso, sentei-me a pensar com o queixo de São Nicolau em minhas mãos. Depois dei uma boa olhada no resto do esqueleto de São Nicolau e junto com Veer comecei a investigar etnobotanicamente a ilha.

Encontramos lâmpadas de tulipas que tinham até 20 anos de idade e um monte de “Friar’s Cowl” – Arisarum Vulgare. Tudo aponta para uma cultura de celebração, fogo e queima.

Que São Nicolau mais tarde se tornou uma espécie de papão errante na tradição Krampus é bastante compreensível. Um papão com diabinhos que vêm para punir as crianças que pensam de maneira diferente.

Que os professores que então governam a Holanda transformaram isso em um amigo das crianças e esses diabinhos em anjinhos negros é…eh…bem. Raarrrrrr.

No entanto, coletei excrementos petrificados do indubitavelmente malvado coelho de São Nicolau para usar em poções mágicas.

Voltei a enterrar ritualmente o queixo de São Nicolau. Eu vim pelos excrementos, não por um queixo. E assim eu consegui transformar um número mágico em um dia importante novamente. O que você estava fazendo em 21-12-2021 às 12.21?

By their fruits shall ye know them
M.H.H. Benders is a most recognised poet of his generation, a student of the universal mycelia,  Amanita Sage and party leader of the Dutch 'Woudpartij'. He wrote sixteen books, the last ones at the Kaneelfabriek (Cinnamon Factory). He is currently working on 'SHHHHHHROOM a book on mushrooms and the Microdose Bible, which is an activation plan to restore your true identity coming next year. Keep in touch!